saúde

Não Tão Quente














A alta temperatura da água é comum na época de frio, mas deve ser compensada com hidratantes...
Banhos muito quentes durante o inverno podem tornar mais grave o ressecamento da pele e causar diferentes tipos de infecções.

O frio que começa a aparecer nesta época do ano é suficiente para fazer com que a maioria das pessoas troque a temperatura do chuveiro e deixe a água do banho mais quente. Mas, em se tratando de cuidados com a pele, é bom ficar atento a esse hábito, a fim de evitar problemas. Com um banho e demorado, a pele perde aquela camada de hidratação natural, causando ressecamento.

Sem essa hidratação natural, a pele perde a proteção e fica mais sujeita a doenças. Nela, podem penetrar fungos, bactérias e outros micro organismos que causam infecções. Pode acontecer, ainda, de a água quente causar coceira, que evolui para um eczema, ou seja, uma infecção.

Entre outras doenças causadas pela alta temperatura do banho está a dermatite asteatósica, que deixa a pele ressecada, vermelha, descamada e coçando, Entram na lista, ainda, a dermatite de contato, a psoríase e a dermatite atópica. 

O uso do hidratante corporal é imprescindível. É importante usar sabonetes suaves. Em alguns casos, principalmente para as pessoas da terceira idade, é possível também passar um óleo antes do banho. 
Procure tomar banhos mornos e, somente de vez em quando, aumente a temperatura da água. Banho quente é relaxante, mas se for tomado todos os dias, causará agravamentos.

fonte:
Revista da Hora



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

conheça os tipos de açúcar

Desbravadores: Livro de Atas

desbravadores